Páginas

16 de outubro de 2009

Blogando com os Amigos - Tema da Vê

Olá Pessoas ... antes de dissertar acerca da "questã" de hoje, tenho algo muito importante a dizer:

GALVÃO BUENO VAI ... &¨*()_)_(()(_+(*)(_++

Acho que este Senhor deveria ser proibido de narrar qualquer tipo de jogo - eu fico mais nervosa com os seus comentários do que com a Cobrança de Penalts. Fico imaginando este ser narrando Buraco:

Zézinho levanta a mesa ... aí meu Deus, mas fez certo, fez certo, não pode dar espaço. Descarta o 6 de paus ... meio da canastra não zézinho, meio da canastra não. Juquinha levanta e desce um jogo com 5,6,7,8,9 e 10 ... tá ficando dramáaaatico. A seleção "Zézeira" vive um drama no final do jogo ... Paulinho pega uma carta do monte - vai que é suuuuuua Paulinho - descarta - Casagrande, o que você achou do Descarte? É Galvão, foi um descarte bem descartado já que Paulinho não precisa desta carta. Mariazinha troca a carta da mesa e deixa um As de Copas - aguenta coração - Zézinho pega a carta, domina, desce de As à As na mesa É REAL É REAL É REEEEEEAAAAAAL.

Bom, vamos ao que interessa né:



Qual foi a sua história mais interessante que tenha envolvido um ex (atual) professor seu?

Bom, tudo aconteceu no meu 1º ano de Psicologia ( não de análise, da faculdade mesmo ) . Eu tinha um professor de Filosofia daqueles que fazem a gente odiar com todas as nossas forças Platão, Sócrates ( alias, ele era a cara do Sócrates ), Aristóteles, enfim, a turma toda. E como LUM já disse aqui algumas vezes eu sempre fui um ser petulante: Eu saia no meio da aula, eu discutia com ele, eu dava risada, enfim, além de petulante era também muito mal educada pois hoje vejo que não devemos fazer essas coisas pois além de sempre aprendermos alguma coisa com quem quer que seja, devemos sempre respeitar os outros. Nem preciso dizer que bombei no primeiro semestre né - tirei UM - e ainda por cima como nota de participação em sala - o fdp nem foi irônico comigo né.

A única coisa que eu sei é que eu precisava tirar 10 e ainda ganhar um pontinho pra passar de ano sem DP - foi aí que o Tarefeiro do Capeta resolve dar um trabalho ao invés de prova como avaliação do semestre. Menos mal né, já que sempre fiz os trabalhos em ordem. O tema do meu grupo era aplicar a Filosofia Antiga nos Tempos Atuais e a minha parte era falar do Homem e da Máquina - como tinha feito faculdade de Ciência da Computação ( e todo mundo sabia disso ) o pessoal sempre empurrava essas coisas para mim.

Pois bem - chegou o dia de apresentar o dito cujo, aquele mimimi, apresentação do grupo, mais mimimi ai chegou a minha vez - expliquei o meu tema, tudo normal, pelo menos um 9,0 garantido ( o trabalho do grupo foi muito bem feito, ralamos pra caramba ... ) Nisso, um idiota ( sempre tem um idiota na sala - em turma de Psicologia eles ganham outro adjetivo - idiota e ... deixa pra lá ) levanta a mão e começa a discursar antes da pergunta, tipo o Suplicy e me lança a bomba: " Como você tem a ousadia de comparar um computador frio e um ser humano?" Nessas horas eu adoro ser petulante - Eu, muito bitch da vida peguei um pedaço de giz e comecei a fazer um monte de pauzinho e bolinhas ( 1 e 0 ) na lousa e virei para o otário e disse: - Você sabe o que é isso aqui? - Bom, pra encurtar a história - eu escrevi uma sequência de códigos binários na lousa e expliquei para o ser quem tinha inventado aquilo, baseado na obra de tal matemático e que aquilo ali era a base de toda a Computação - e olhei pra ele e perguntei - Como VOCÊ pode me dizer que um computador não é humano?

Nisso, eu olho para a cara do meu professor e ele está branco e grudado na cadeira - e o tonto com cara de tonto, óveo. Resumo da história - salvei meu semestre e ainda ganhei um pontinho de lambuja. E me vinguei do professor - em tempo, também deixei de ser tão petulante e mal educada.

Beijos!

Sah

4 comentários:

disse...

Amiga, vc é genial. Como eu queria estar na sua sala de aula nesse dia, eu ia rolar de rir...

MeL disse...

ahahaha sah tb é cultura .... Ainda bem que virou boa aluna...

Fabi disse...

Hahahahahaha....
Sensacional!!

Liana disse...

Fantástico. Adorei.

pô, e já q vc é psicóloga, q diabos faz um 'stalker' continuar perturbando a minha vida???? INTERNA ele, MATA, o q??? Pq ignorar não tá funcionando.