Páginas

21 de maio de 2009

Eu, a Barata Voadora e "O Exorcista"

Quando fico muito tempo sem postar centenas de vezes por dia aqui no brogui fico com "causos" acumulados. Hoje quero contar mais um deles à vocês. Este aconteceu comigo há mais ou menos 12 anos e já adianto que este foi um dos piores finais de semana da minha vida!

Eu odeio baratas! A maioria das pessoas falam que tem nojo das bichinhas, mas eu tenho medo mesmo ... e muito! Chego a ficar paralisada diante de uma delas e na verdade acho que este medo está mais para fobia. Baratas voadoras então, nem se fale! Um dia, o povo "Floriano" foi viajar e eu fiquei sozinha em casa. Como não tinha nada o que fazer, minha veia "masoquista" me incentivou à ir ao cinema assistir "O Exorcista - Versão do Diretor". Liguei para todas as minhas amigas a fim de encontrar pelo menos uma para me fazer companhia na árdua empreitada e neste dia descobri que todas as minhas amigas sofrem de Gastroenterite Crônica! Gente, eu ouvi as piores desculpas esfarrapadas da minha vida, tipo "não dá pra ir pois tenho que desarrumar meu quarto", "minha tia-avó tá aqui em casa e eu tenho que fazer sala à ela", "meu cachorro comeu a minha carteira com todo o meu dinheiro" e por aí vai. Nem preciso dizer que acabei indo sozinha ... mas fui! 

Bom, o cinema estava vazio e se eu já tinha medo da "monstrenga" na tela normal imagina no cinema então. Mas, segurei a onda, vi o filme e voltei para casa. Tudo bem que eu via a "maledeta" em todos os lugares, mas cheguei sã e salva. O que eu havia me esquecido é que eu estava sozinha em casa e querendo ou não, ia anoitecer! 

Tentei não pensar mais no assunto, procurei algo para assistir na TV e até que fiquei bem ...  até a hora em que surge, do nada e voando, uma gigantesca barata! Bom, nem preciso dizer que comecei a gritar e correr pela casa. E a barata sumiu. Resolvi tomar um banho então ... fui ao meu quarto pegar minhas roupas e quando eu vejo, a barata estava na cortina! Mais um festival de gritos, óbvio, mas dessa vez eu fui "esperta": tranquei a bicha no quarto ( a chave viu ... ) e coloquei um monte de panos embaixo da porta para que ela não escapasse. E fui para o banho. 

Como estava com muito medo ( do filme e da barata ) resolvi dormir no quarto dos meus pais. Tranquei a porta, apaguei todas as luzes ( para a barata não me achar, óbvio ) e me deitei. Mas, como estava tudo escuro, adivinhem de quem eu me lembrei: da Regan, claro! Resumo da ópera: não dormi a noite inteira e passei o dia seguinte com a mesma roupa porque não queria entrar no meu quarto. Fiquei assim até o povo chegar! Acho que eu nunca fiquei tão feliz em ver todo mundo junto na minha vida, afinal,  Mamis mataria a barata pra mim! 

Neste dia, fiquei no computador até tarde, todos já estavam dormindo e de repente quem aparece? A bicha, claro: deu um vôo rasante por cima da minha cabeça e pousou bem no meio da tela do monitor! Mas, agora eu não estava sozinha! Chamei Mamis para matar a barata mas quem quase sai morta na história fui eu, pois minha mãe ficou igual a Regan quando eu a acordei de madrugada para matar a barata! A minha sorte é que eu tinha um bom argumento na ponta da língua: "Mãe, se você não matar a barata eu não vou conseguir dormir! " E Mamis, que é uma heroína destemida matou a barata com uma chinelada só! Muito Corajosa a minha mãe viu! 

Fora isso, fiquei um mês sem dormir por conta do filme e até hoje não vejo nada que me lembre a "monstrenga". Tomara que a Clarinha não tenha medo de baratas, assim ela poderá matar as bichinhas para a mamãe. Senão, estaremos devidamente ferradas!

Beijos!

Sah

4 comentários:

Flávia Romanelli disse...

Quando eu me separei fui morar com meus pais, numas férias de julho eles forma com meu filho pra praia e eu fiquei sozinha em casa e apareceu um rato! Fiz um escândalo, liguei até pro meu ex-marido, mas nigué, foi me socorrer. Fui dormir na casa de uma amiga e no dia seguinte um amigo pegou o bicho numa ratoeira. Eca!!!

Mari disse...

pelo menos as baratas não fingem de mortas com você! hahahaha

MeL disse...

eu ia falar... agora VC É A MAMÃE... RSRS nossa, vc não sabe o q eu achei hj... uma aranha marrom, agora sim, igualzinha a venenosa...vou levar na zoonose...
Eu morria de medo do exorcista, mas quando vi essa versão do diretor,foi bem tranquilo... bjs sah

Irmãs disse...

Ô Meeeel ... seu msn tá funcionando? O meu não tá!

Beijos!

Sah